Programa de jogos da CONMEBOL Copa América Feminina 2022
08-04-2022

  • Em Cali inicia a nona edição da competição mais importante do continente a nível de seleções femininas.
  • Um resumo dos grupos com dados, estatísticas e antecedentes.

A Direção de Competições e Operações da Confederação Sul-Americana de Futebol (CONMEBOL) revelou a programação de jogos da CONMEBOL Copa América Feminina 2022.

De 8 a 30 de julho, as cidades colombianas de Cali, Bucaramanga e Armenia serão as sedes do certame que entregará 3 boletos de forma direta para a Copa do Mundo da Austrália/Nova Zelândia.

https://twitter.com/CopaAmerica/status/1512509902459224069/photo/1

FIXTURE CA FEMENINA PT

Dados dos Grupos:

GRUPO A: Colômbia – Chile – Equador – Paraguai – Bolívia
  • Colômbia enfrentou 3 vezes o Paraguai, seu rival na estreia, na CONMEBOL Copa América Feminina: todas as partidas terminaram em vitória para as atuais organizadoras do torneio e só sofreram 1 gol.
  • Colômbia está invicta em seus últimos 9 encontros na fase de grupos da CONMEBOL Copa América Feminina (8V 1E). A última derrota foi em 2010, quando Brasil venceu por 2-1.
  • Chile e Equador se enfrentaram três vezes na CONMEBOL Copa América Feminina, com uma vitória por lado e um empate. O jogo mais recente foi triunfo para a ‘La Roja’, em 2010, por 2-1.
  • Chile se manteve invicto pela primeira vez na fase de grupos da Copa América Feminina na edição passada (2018), com dois empates e duas vitórias.
  • Paraguai só perdeu 1 dos últimos 6 encontros disputados na CONMEBOL Copa América Feminina (4V 1E). Essa derrota foi em 2018 contra a Colômbia (1-5), um de seus rivais de grupo nesta edição.
  • Catalina Usme (Colômbia) foi a máxima artilheira do último torneio disputado no Chile em 2018, com 9 gols.
GRUPO B: Brasil – Peru – Venezuela – Argentina – Uruguai
  • Além de ser campeão vigente, Brasil é o máximo vencedor do torneio continental com 7 conquistas: só não ganhou o torneio em 2006, quando a Argentina terminou campeã.
  • Argentina e Brasil se enfrentaram 10 vezes na CONMEBOL Copa América Feminina, com 8 vitórias para a Verde-Amarela e duas para a ‘Albiceleste’. Não obstante, Argentina é a última (e única) equipe em vencer o Brasil na competição, na fase de grupos da edição de 2014 (2-0).
  • Após conseguir uma vitória em seus primeiros 15 jogos na CONMEBOL Copa América Feminina (1E 13D), Venezuela acumula 4 triunfos em seus últimos 9 enfrentamentos na competição (1E 4D).
  • Peru e Uruguai se enfrentarão pela terceira vez consecutiva na Fase de Grupos da Copa América Feminina. As ‘Celestes’ estão invictas, com uma vitória (2-1 em 2010) e um empate (1-1 em 2014).
  • Nas 27 partidas que disputou na Fase de Grupos da Copa América Feminina, Argentina nunca empatou, colhendo 22 vitórias e 5 derrotas.
  • Bárbara (Brasil), junto com Christiane Endler do Chile, foi a goleira com mais arcos intactos na edição anterior da Copa América Feminina, somando 4 partidas.

 

CONMEBOL.com / OPTA