"Não vai ser fácil para nenhuma das seleções": Gareca

diseno-sin-titulo-81

O Peru está em posição de aspirar a um título e estar preparado para vencer, disse o técnico Ricardo Gareca no sábado, na preparação para a inédita final da Copa América contra o anfitrião e favorito Brasil.

“Não vai ser fácil para nenhuma das equipas. Chegámos muito bem, estamos prontos para ganhar. O Peru está em condições de aspirar a um título”, disse o técnico argentino neste sábado em entrevista coletiva no Rio de Janeiro, onde a partida será realizada no domingo.

“Não sei se a mesma coisa que aconteceu naquele primeiro jogo vai acontecer novamente, a verdade é que aspiramos a fazer um grande jogo, diferente disso, estamos numa final”, acrescentou.

O Peru, bicampeão continental em 1939 e 1975, sofreu 5 a 0 dos pentacampeões mundiais na fase de grupos, mas reagiu no torneio, eliminando o Uruguai (5 a 4 nos pênaltis, 0 a 0 em 90 minutos) nas quartas de final e o Chile (3 a 0) nas semifinais.

“Se tenho de escolher um momento para enfrentar o Brasil e agora, é porque viemos de jogar contra duas equipes que nos fortaleceram”, disse Gareca.

– Atacar e como fazê-lo –

“Estou muito interessado no Brasil”, disse Gareca, líder do Peru desde março de 2015 e autor do projeto do classificatório para a Copa do Mundo da Rússia-2018, 36 anos depois de sua última participação em uma Copa do Mundo.

“A posse de bola vai ser importante e mais ainda contra uma equipe como a brasileira, que nos faz sofrer quando não temos. Nosso objetivo é tirar a bola, mas o que é difícil de diagnosticar é como fazê-lo”, disse o ‘Tigre’.

“É importante tentar atacá-lo, e é nisso que estamos trabalhando, como enfrentá-lo”, acrescentou o jogador de 61 anos.

Gareca insistiu que as finais “são complicadas para todos”, mesmo “para os jogadores experientes” porque “sentimos a tensão no campo”.

“Somos uma equipa que se conhece bem e isso é importante para este tipo de jogo. Emocional é a menor das minhas preocupações para este jogo. Mesmo que a gente não tenha jogado uma final por um título, o Peru jogou outro tipo de final que nos permitiu ir a uma Copa do Mundo”, disse Gareca.

O lateral esquerdo Édison Flores acompanhou Gareca na coletiva de imprensa no Maracanã e disse que o jogo contra o Brasil, que está buscando seu nono título como campeão das Américas, “será outro, diferente do 5-0”.

“Vai ser uma grande final e estamos trabalhando para dar ao Peru uma boa tarde contra uma grande equipe. Estamos muito concentrados e esperando o momento de jogar o nosso jogo”, disse o jogador do Monarcas Morelia.

Brasil e Peru se enfrentarão no domingo no templo do Maracanã a partir das 17:00 horas (horário local).

Entradas
Equipos
Ciudades
Calendario