Chile vs Uruguai: dois gigantes pela liderança do Grupo C

chilevsuruguay-777px

O Chile, já classificado, e o Uruguai jogarão na segunda-feira, 24 de junho, no Rio de Janeiro, o primeiro lugar do Grupo C da CONMEBOL Copa América Brasil 2019, em um duelo que promete coragem e emoção, no auge da rivalidade histórica que une os dois últimos campeões do torneio.

Defendendo o título conquistado em 2015 e 2016, a Roja chega ao jogo decisivo como líder com seis pontos e está determinada a continuar sonhando em se tornar campeã pela terceira vez consecutiva, como a Argentina fez nos anos 40. Um empate é suficiente para garantir o primeiro lugar.

Rueda, um técnico com vasta experiência em seleções nacionais (antes do Chile ele treinou Equador, Honduras e Colômbia), pode contar com um time titular muito semelhante aos seus dois primeiros jogos, no jogo contra o Uruguai, no jogo marcado para as 20:00 horas locais, no Maracanã.

O atacante Alexis Sánchez e o meio-campista Arturo Vidal terminaram a partida contra o Equador com desconforto. O Niño Maravilla sofreu uma entorse. “Esperemos que o dano, já no jogo seguinte, não seja grande e que possamos tê-lo contra o Uruguai”, disse Rueda após a partida.

– Uruguai com perdidas –

Os chilenos enfrentarão a seleção que mais ganhou a Copa América CONMEBOL (15), um peso pesado com um par devastador na liderança, Luis Suárez e Edinson Cavani.

Em segundo lugar com quatro pontos depois de derrotar o Equador (4-0) e empatar com o Japão (2-2), o “mestre” Oscar Tabárez, que está no comando há 13 anos, tem praticamente garantida a classificação para as quartas de final, mas eles precisam dos três pontos para estarem no primeiro lugar do grupo.

Mas os Charrúas entram no jogo com duas saídas, Diego Laxalt, do Milan, e Matías Vecino, da Inter de Milão, lesionado na partida contra Japão e Equador, respectivamente. Tabárez pode usar novamente o lateral Giovanni Gonzalez para substituir o Laxalt.

“Sabemos que o Chile tem um plantel muito bem preparado, conhecido há muito tempo, que já está por assim dizer, muito bem”, disse Cavani do hotel de treinamento do Rio de Janeiro.

Possíveis alinhamentos:

Uruguai: Fernando Muslera – Martín Cáceres, José Giménez, Diego Godín, Giovanni González – Giorgiano De Arrascaeta, Rodrigo Bentancur, Lucas Torreira, Nicolás Lodeiro – Luis Suárez, Edinson Cavani. 
DT: Oscar Tabárez.

Chile: Gabriel Arias – Mauricio Isla, Gary Medel, Guillermo Maripán, Jean Beausejour – Erick Pulgar, Charles Aránguiz, Arturo Vidal – José Fuenzalida, Eduardo Vargas, Alexis Sánchez.
DT: Reinaldo Rueda.

Árbitro: Raphael Claus (BRA)

Entradas
Equipos
Ciudades
Calendario