Chile derrota a Colômbia na disputa de pênaltis e chega às semifinais

chile2

O Chile continua procurando o tricampeonato da CONMEBOL Copa América depois de vencer a Colômbia por 5 – 4 nos pênaltis nas quartas-de-final, depois de um empate sem gols nos 90 minutos em São Paulo.

As duas seleções mostraram coragem e disputa durante os 90 minutos, quando os bicampeões estiveram mais perto de abrir o marcador com contra-ataques e chegadas pelos laterais.

O 0-0 assegurou a classificação para as semifinais nos pênaltis.

Os chilenos fizeram perfeitas marcas do ponto branco, com gols de Arturo Vidal, Eduardo Vargas, Erick Pulgar, Charles Aránguiz e Alexis Sánchez.

William Tesillo perdeu o último remate para a Colômbia depois de James Rodriguez, Juan Guillermo Cuadrado, Edwin Cardona e Yerry Mina terem marcado.

O Chile continuará a fazer a defesa do título nas semifinais contra o vencedor do duelo entre Uruguai e Peru no sábado.

A Colômbia, que voltará para casa sem sofrer gols, não conseguiu derrotar a paternidade histórica dos chilenos na competição, sobre os quais eles não vencem desde 2011 e nunca venceram em eliminações diretas.

– Estatísticas

·         Chile e Colômbia empataram pela terceira vez em suas 12 partidas da Copa América, sendo as anteriores em 1949 e 1991 (7 vitórias para o Chile e 2 para a Colômbia).

·         O Chile perdeu apenas duas de suas 16 partidas da Copa América entre as edições de 2015, 2016 e 2019 (10V 4E): 1-2 contra a Argentina em 2016 e 0-1 contra o Uruguai em 2019.

·         A Colômbia manteve sua invencibilidade nas últimas cinco partidas da CONMEBOL Copa América, a segunda maior da história (8 jogos entre 2001 e 2004).

·         O Chile se classificou para as semifinais pela terceira vez consecutiva (2015, 2016 e 2019); só o fez uma vez com o formato atual desde 1993 (1999).

·         O Chile superou a Colômbia em quatro oportunidades na eliminação direta da Copa América, duas vezes nas quartas de final (1999, 2019) e duas vezes nas semifinais (1987, 2016).

·         O Chile disputou sua quarta disputa por pênaltis na Copa América, vencendo as três últimas edições (as finais de 2015 e 2016 contra a Argentina) – perdidas em 1999 para o Uruguai.

·         Foram apenas três chutes a gol na partida entre Colômbia e Chile (um da Colômbia e dois do Chile); é o segundo menor número em uma partida de eliminação direta nas últimas quatro edições da Copa América.

·         O jogo contra a Colômbia é o encontro número 20 de Gary Medel e Alexis Sánchez na Copa América, empatando o Claudio Bravo em segundo lugar entre os jogadores chilenos com mais partidas da história do torneio (34, Sergio Livingstone).

·         Juan Guillermo Cuadrado recebeu sete faltas e fez seis no empate contra o Chile; nenhum jogador participou de tantas faltas (13) em uma partida das últimas quatro edições da Copa América (excluindo jogos com alongamento).

·         O chileno Eduardo Vargas fez apenas quatro passes na partida contra a Colômbia; três deles foram para Alexis Sánchez (um para Erick Pulgar no começo).



Entradas
Equipos
Ciudades
Calendario