As semifinais são jogos que todos querem jogar: Cafu

diseno-sin-titulo-51

O lendário capitão da seleção brasileira de futebol conversou com copaamerica.com e analisou como é jogar as semifinais do torneio mais antigo do mundo.

Marcos Evangelista de Morães, mais conhecido como Cafu, é uma das maiores e mais reconhecidas figuras esportivas do futebol mundial.

Líder em participações com a seleção brasileira com 142 jogos, conquistou os títulos da Copa dos Estados Unidos de 1994 e da Coréia e do Japão em 2002. Além disso, é o único jogador em chegar a três finais daquele torneio, também jogando a final na França em 1998

Além disso, o Cafú também conquistou dois títulos da Copa América da CONMEBOL em Bolívia em 1997 e no Paraguai em 1999. Participou em quatro edições do torneio continental.

O lendário capitão da seleção brasileira analisou como os jogadores vivem este tipo de jogos como serão as semifinais da Copa América entre Brasil-Argentina e Chile-Peru.

Jogo entre o Brasil e Argentina nas semifinais

Um jogo clássico, de duas grandes equipes que estão acostumadas a esse tipo de fases da competição. O Brasil e a Argentina sempre proporcionaram grandes jogos, independentemente da fase em que cada seleção estivesse.

Como é jogar este tipo de clássicos na CONMEBOL Copa América?

Estes são jogos extremamente emocionantes. São jogos que todos gostariam de jogar. Realmente é um jogo em que todo atleta profissional quer participar. Além disso, é a semifinal da Copa América da CONMEBOL, uma competição de grão importância a nível internacional. O jogo entre o Brasil e Argentina é um jogo que faz os jogadores dormirem pensando no que vai acontecer e pensando somente na hora de jogar.

Qual é a parte mais difícil de uma partida semifinal da Copa América CONMEBOL

O mais difícil é administrar a ansiedade antes de começar. Você não sabe como o adversário vão se comportar no jogo. Eu acho que controlar a ansiedade é a coisa mais difícil.

Como é a preparação dos jogadores para os jogos da semifinal?

Eu acho que talvez de uma maneira diferente dos outros atletas. A preparação deve ser normal, a mesma de sempre, Os mesmos métodos como se você estivesse-se preparando para uma partida da primeira fase. Deve ser jogado de um jeito que permita chegar à final, mas você não deve mudar a maneira de se preparar, porque é assim que você chegou à semifinal.

O que significa para você disputar e vencer a CONMEBOL Copa América?

Isso significou muito na minha carreira. Foram dois títulos que consegui levantar, na Copa América da CONMEBOL em 1997 e em 1999. Esta é uma competição extremamente importante, na qual ninguém quer perder e todo mundo quer ganhar e com o Brasil tive a oportunidade de ganhar duas vezes. É um torneio que foi muito importante na minha carreira profissional.

Para você, o que significa ser uma referência mundial para as novas gerações de futebolistas

Tenho muito orgulho de fazer parte dos atletas que são seguidos hoje por várias gerações.  Eu sou muito feliz em saber que o trabalho que eu fiz ia ser frutífero e hoje os pequenos podem aproveitar tudo isso.

O que você mais gosta da Copa América Brasil 2019 da CONMEBOL?

A organização, o meio ambiente. Você curte um torneio no qual enfrenta todas as equipes com as quais disputa na Copa do Mundo, conhece grandes amigos com quem teve a oportunidade de jogar fora de seu país. É muito legal.

Entradas
Equipos
Ciudades
Calendario